segunda-feira, março 17, 2008

Make up on


Batom rosa nem foi tãao percebido, acreditam? Muito mais fácil de usar do que o vermelho, minha gente, tranqüilíssimo! Ainda mais em eventos como formatura, casamento, que todo mundo vai estar chique.
Eu fiz do jeito que eu falei: sombra verde bem clarinha, superdiscreta, com um esfumaçado cinza do lado e batom rosa, não tão choque como eu queria, mas rosa. Mostrei para o boy e ele disse: “é essa a maquiagem super-revolucionária?”. Ou seja, nem foi chocante, né?

PS1: Pirulika ficou de me mandar fotos. Vou ver se tem alguma que dá para ver a maquiagem e coloco.
PS2: Queria dizer que eu só danço créu até a velocidade três. O resto é imoral, tem que ter limite, né!

4 comentários:

Ana Barros disse...

Amei o batom ! Depois de muitos anos, esta semana tomei coragem e pintei as unhas de pink. O marido estranhou no começo (e soltou um "nossa, que cor esquisita!" quando voltei do salão), mas agora estou achando um arraso.
Bjos

Renata disse...

To esperando as fotinhos, quero ver, quero ver, quero ver!
Acredita que eu mal consigo usar batom?? Só cor de boca mesmo!!!

Renata R. disse...

Ah, como eu queria me maquiar e não achar que tô parecida com o Bozo!

Michelle disse...

Hahahahahahahaha. A Pacheco disse que está com as pernas doendo. Que mal consegue subir e descer escadas por conta do Créu. Acho q isso equivale a uma academia. Deveríamos continuar... E na velocidade 5, Lolo!!!!
Créu, Créu, Créu, Créus!!!
E como já diria Rodrigo Otávio... "pra dançar créu tem que ter agilidade". E como!!!!!
Beijocas!