sexta-feira, novembro 30, 2007

No avião

Não gosto de falar de trabalho aqui mas essa eu tenho que contar: Adoro viajar de avião. Sério mesmo, ao contrário de uns e outros (hihi) eu gosto do clima do aeroporto, da decolagem, que parece montanha russa, de ouvir o canal Disney no rádio, de receber o nutry...
Estou eu, relaxada na minha poltrona, ou pelo menos “as relaxed as one can be” na poltrona do meio, quando a pessoa do lado chega. Um executivo gordo com uma mala de mão que ele coloca no bagageiro. Eu nem olho na cara dele. O executivo lê jornal, ronca alto, come, e me dá uma super cotovelada, pede desculpa. E eu lá “cinderela, cinderela, lava roupa cinderela...”. Chegamos a Porto Alegre, o avião pousa, levanto para pegar minha bagagem e, para minha surpresa, o executivo é simplesmente A fonte do setor elétrico, o cara que eu poderia ter entrevistado durante duas horas e meia e eu não percebi!!! Estou arrasada!! Sou péssima de visão periférica, mesmo, como que eu não percebo o cara do meu lado!! Será que se eu mostrar o roxo no braço ele me dá uma exclusiva para compensar??? Serio, perdi O furo, arrasada!!

4 comentários:

Aline Tolotti. disse...

Ah, não fique arrasada!
Você não estava a procura da matéria, mas sim curtindo teu momento no avião. Virão outras oportunidades!

E gostar de viajar de avião hein?
Tenho pavor!

Beijos.

Cinthya Rachel disse...

puutzzzzz! que sacanagem! mas eu mostraria o bracinho roxo sim!

Denise disse...

mostra sim. bracinhos roxos causam compaixão.
mostra sim e consegue a exclusiva!

Renata disse...

Ai que pena!!! Essas coisas são assim mesmo, que pena.