quinta-feira, fevereiro 26, 2009

Saldão de carnaval




- Uma baladeeeenha que valeu por todos os dias. Diversão e ressaca speaking
- Cineminha
- Poquerzinho
- Dezenas de toalhas egípcias presente de sogra que está empolgadíssima. E toalhinha para o lavabo. E pano de prato. Para o enxoval*
- Zero paciência de falar de casamento. Total vontade de falar de casamento. Ninguém me entende
- Três desfiles e um compacto assistidos
- Nenhum Oscar assistido. Depressão total
- Banco Central e Lula na quarta-feira de cinzas, nobody deserves!!!


* O problema é que enxoval é uma palavra muito feia, que remete a um tempo em que as moçoilas eram supersubmissas e tudo o que podiam fazer era bordar paninhos e encher baús à espera do príncipe encantado. E, né, Nunca Fui Beijada Prendada. Mas confesso que é bem legal ganhar coisinhas para casa de adulto. Porque, apesar de eu ter saído de casa de mamis há mais de oito anos, minha casa ainda é de estudante. Nada combina com nada, metade dos móveis era do meu pai e a outra metade eu comprei em 10x sem juros nas Casas Bahia. Confesso que as toalhas de algodão egípcio penteado (what the hell???) deixou as minhas Teka com bastante inveja.


PS: Pequenas mudanças no blog que estão sendo implantadas no ritmo de sempre: lento. Cara, esse negócio de lista de blog por ordem de atualização é loucura, loucura! Eu me sinto na obrigação de ler todos assim que são atualizados, hehe.

2 comentários:

Renata R. disse...

"Enxoval" é mesmo uma palavra feia.

Mas adoro esse papo de casamento! ;)

Feliz por você, viu?

:*

Milena disse...

Gente! Eu quero essa toalha!

delícia Lolo!!

bjo bjo