terça-feira, abril 22, 2008

No DVD- Piaf



Muito bonito, muito poético. Só acho que se a narrativa fosse mais organizada ficaria mais biográfico, mais inteligível. É que eu sou treinada pela ótica norte-americana, confesso, em que as coisas são rápidas e mastigadinhas. Mas gostei muito, anyway.

Um comentário:

Paulo disse...

Ela parece a Ana Maria Braga.
:)