quarta-feira, abril 30, 2008

Pessimista


Então ela tinha a segunda chance de viver o glamour. Vida glamurosa de verdade, mesmo, não essa de Brasília de ir para a Boate e sair no site www.festasdebrasilia.qualquercoisa ou de andar de lancha emprestada no lago no domingo.
Na primeira, com o Nelsinho Piquet, já tinha se dedicado: mudou de Brasília para Londres, posou para fotos, ajudou na carreira.
Na segunda, com o Ronaldo, foi além. Cortou o cabelão cultivado ha anos no melhor estilo Victoria Beckham para ficar chique. Se dedicou totalmente, acompanhava na cirurgia, soltou pipa com o filho na praia, carregava a muleta e tudo.
Em troca, ele a levava. No início a Bora Bora, depois, no aniversário da Letícia Birkheuer mesmo.
Mas para ele não foi suficiente. Não era suficiente ter uma namorada bonitinha, cheirosinha e dedicada. Ele é o Fenômeno, for god´s sake. Se quiser pegar três putas na rua e levar pro motel, ele leva. Se quiser pegar três travecos também, problema dele.
Foi ingênuo, o coitado. Achou que, realmente, pegaria três travestis na rua e não aconteceria nada. E eles/elas pensaram “puta merda, ganhei minha aposentadoria!”. Porque pior do que puta velha – pensavam elas – só mesmo travesti quando perde a beleza.
E pediu R$ 50 mil. Troco para o fenômeno. E ele não quis pagar. Burro. Esse tipo de extorsão, querido, você paga, em troca do seu sossego.
Aí todo mundo ficou sabendo e, surpresa! A namorada deixou o fenômeno. Nunca na história desse país eu pensei que isso fosse acontecer. Porque, na nossa sociedade machista-capitalista-burguesa, é normal a mulher passar pela humilhação de ser traída publicamente pelo namorado que pegou três travecos e ficar do lado dele, dar apoio, coitado, ele está gordo, acabado e deprimido. Mas não, Bia Anthony gave a giant step for womankind.
Mas a história me fez pensar em outra coisa: você já viu alguma política mulher ser pega com a boca na botija do estagiário e o marido ficar do lado dela, a apoiar? Ou a mulher pegar um gigolô qualquer na rua e sai na revista e o marido a apóia enquanto ela vai para rehab? Se alguém se lembrar de algum caso, por favor, me avisa? Porque eu estou achando que a revolução feminina não serviu para nada. E que está difícil que nós sejamos levadas a sério nesse mundo que continua tão machista como sempre.

4 comentários:

Dribf disse...

Será que ela não volta??
Minha irmã acha que ela fez isso pra poeira baixar e depois voltar pra ele...
Espero que não hehehehe Deveria ter continuado com o Nelsinho, bem mais bonito, né?

Milena disse...

Concordo plenamente! O que mais me surpreendeu nessa história não foi o travesti, a farinha ou a extorsão.. Foi o fato da namorada ter terminado com ele! Juro que não esperava!

Ponto para ela!

Beijos

Denise disse...

acho que ela volta com ele!
com direito a exclusiva na globo e tudo! e casamento logo em seguida.

eu sempre digo: quem foi que queimou sutiã? mulher só se engana que pode tudo! agora, ela deve é tudo.

Dribf disse...

Eu disse, quer dizer, minha irmã disse...
Lá estão os dois juntos em Paris!